Logomarca da empresa

Vale a pena investir em Plantas humanizadas para casas

Vale a pena investir em Plantas humanizadas para casas

Vale a pena investir em plantas humanizadas para casas? Caso a sua empresa tenha projetos nesse segmento ou até mesmo sonha em construir e reformar a própria residência, utilizar plantas com informação menos técnica e mais humana pode ser uma boa dica para atrair mais clientes e investidores.

Estamos falando de um recurso que ajuda a ampliar a compreensão a respeito do projeto, dos detalhes, do tamanho e do dimensionamento real.

O principal foco é conseguir comunicar o projeto para o cliente final que, muitas vezes, é leigo na linguagem de engenharia e arquitetura, e poderá conseguir compreender através de imagens mais familiares e explicativas para a sua visão.

Plantas humanizadas para casas

Quando falamos nesse tipo de planta devemos diferenciá-la da planta baixa que apresenta todos os dados técnicos que visam orientar a construção e disposição de espaços e recursos para determinada construção ou reforma.

É muito usada para traduzir para os leigos a ideia de um projeto de ambiente referente a uma casa ou apartamentos apontando o local dos cômodos, áreas de acesso e áreas de serviços com inclusão de imagens familiares como mobília, equipamentos e vasos de plantinhas.

Conceito de planta mais humanizada

Quando humanizamos determinado conteúdo buscamos elevar a familiaridade do processo de leitura e percepção perante diferentes perfis de públicos e de clientes. Trata-se de uma representação mais familiar ou amigável que torna o projeto mais aceitável, seja no nível de engenharia ou de arquitetura.

Em sua elaboração, a planta reduz dados técnicos e ganha recursos visuais ilustrados com cores, sombras, desenhos de mobília, efeitos de luz, texturas e outros objetos comuns no dia a dia de uma casa ou residência em geral.

Dessa forma, a criação desse tipo de planta ajuda na apresentação de detalhes referentes ao projeto para o potencial cliente, sendo menos complexa e muito didática visualmente, elevando a compreensão a respeito do tamanho do espaço, dos cômodos e funções de cada localidade.

Por se tratar de uma planta menos complexa e menos técnica, ela é uma excelente ferramenta e recurso para atrair mais pessoas para compreender a ideia de uma construção ou reforma.

Na maioria dos casos, ela aceita inclusão de desenhos ou fotos de mobília, automóveis, objetos de cena e outros apetrechos que traduzem a ideia da casa em seu ambiente externo e interno determinando a noção de dimensão e de espaço.

Vantagens

A criação e utilização de plantas humanizadas para casas gera bastante vantagens para os responsáveis pelo projeto, para parceiros e para os clientes finais.

Trata-se de um excelente recurso usado em períodos de lançamentos imobiliários, podendo ser usado em diferentes plataformas de divulgação.

Ela pode ser veiculada em formato de vídeo complementando a apresentação de uma maquete eletrônica 3D. Pode ser impressa em catálogos, jornais e revistas do segmento; além de ser postada em blogs e redes sociais.

Além de comunicar o projeto para o cliente já interessado pela compra do imóvel, esse tipo de planta pode ser usada tanto pelo marketing digital quanto pelo marketing tradicional analógico para divulgar o empreendimento para diferentes perfis de públicos.

É muito útil também para os responsáveis do empreendimento imobiliário, considerando os detalhes que ele poderá acrescentar à obra ou reforma visando gerar valor para o produto final.

Enxergando os resultados

A planta humanizada para casas apresenta uma ideia final do projeto para o público de interesse. Os profissionais envolvidos com o projeto também podem utilizá-la para obter uma melhor perspectiva da edificação da casa e do resultado final.

Esse tipo de planta gera mais atratividade ao apresentar uma ideia de como seria frequentar e morar na casa e em outros tipos de edificações, incluindo objetos e detalhes presentes no dia a dia comum de uma casa.

Dessa forma, a planta desse nível apresenta grandes vantagens iniciais que justificam o investimento na sua criação e veiculação, sendo um importante recurso para profissionais de arquitetura, engenharia, design, marketing e vendas que atuam no setor imobiliário.

Mais vantagens

A seguir apresentamos uma preciosa lista de vantagens que justificam a criação e utilização desse tipo de planta.

– Acelera o processo de apresentação e explicação do projeto, principalmente, para pessoas leigas;

– Gera mais entendimento sobre o layout geral;

– Facilita a interpretação em relação ao tamanho de cada tipo de ambiente;

– Em certos casos cria uma percepção mais realista a respeito do uso de ambiente internos e externos do projeto da casa;

– Indica sugestão de uso de mobílias e outros tipos de instalações;

– Utiliza o desenho ilustrativo como método didático;

– Cria e apresenta ambientes inteligíveis;

– Pode ser apresentada no formato impresso e digital.

Diferenças entre planta baixa e planta baixa humanizada

Quando falamos em planta baixa para casas, devemos diferenciá-la da planta baixa usada pelos engenheiros e arquitetos.

Benefícios das Plantas humanizadas para casas

Normalmente, as plantas baixas usadas pelos profissionais da construção não são humanizadas, apresentam somente dados de dimensionamento, tamanho, cálculos e disposição de materiais e outros detalhes dedicados à construção e reforma.

A planta baixa mais humanizada, além do dimensionamento comum, também utiliza desenhos ilustrados de mobílias, acessórios, itens de decoração e equipamentos existentes no ambiente interno e externo da casa.

Esses recursos ilustrativos não são utilizados na planta baixa técnica, apresentando apenas cálculos, conceitos e escalas dedicados para a construção e para a obra em geral.

Conclusão

Portanto, aplicar o conceito de humanização à planta baixa requer habilidades de ilustração e inserção de recursos visuais que tornem a planta mais aceitável e comunicativa para o público em geral.

Para a empresa contratante que precisa desse tipo de planta, questões como prazos, valores e preços poderão variar conforme o tamanho, a escala de trabalho e os recursos necessários.

Na maioria dos casos, os designers especializados na criação desse tipo de planta utilizam programas pagos como Photoshop ou Corel Draw ou ainda gratuitos como Krita para aplicação de ilustrações sobre a ideia ou conceito da casa.

Em todos os casos, para o contratante, vale muito a pena utilizar esse tipo de planta mais humanizada como um poderoso recurso para traduzir a ideia da casa para o mercado em geral.

Gostou? Ainda tem dúvidas? Fale conosco e descubra todas as vantagens que as plantas humanizadas podem oferecer ao seu projeto!

3 respostas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

plugins premium WordPress
Logomarca da empresa

Obrigado por seu contato!

Agradecemos por escolher a MQ3D para ser parte do seu projeto. Recebemos suas informações com sucesso e estamos ansiosos para colaborar com você.

Nosso time entrará em contato em breve para dar continuidade ao processo e entender mais sobre suas necessidades. Enquanto isso, fique à vontade para explorar nosso site e conhecer mais sobre nossos serviços.

Se você tiver alguma dúvida ou precisar de assistência, não hesite em entrar em contato conosco. Estamos aqui para ajudar!

Atenciosamente,

Equipe MQ3D